Portaria de Potabilidade 888/21

O Ministério da Saúde publicou no dia 04 de maio a Portaria que dispõe sobre os procedimentos de controle e de vigilância da qualidade da água para consumo humano e seu padrão de potabilidade

A partir da data de publicação, a chamada Portaria de Potabilidade 888/21 é quem dita as regras sobre o tema. 

Assim como já fizemos anteriormente nas Portarias  Resolução SEMAD/IGAM 2302, Portaria IGAM 48, Portaria DAEE 5578 e 5579, Portaria DAEE 6987, Portaria AGERH 11235 e Portaria INEMA 19452, vamos falar sobre as mudanças e como se adequar a partir de agora. 

Está com dúvidas sobre os efeitos da Portaria de Potabilidade 888? Então, acompanhe as informações abaixo! 

Quais pontos da Portaria de Potabilidade 888/21 merecem maior atenção? 

Muitos profissionais da área estão se perguntando quais as alterações – de modo prático, em relação a partir de agora. Vamos explicar os principais pontos. Acompanhe!

O que o Anexo XX da PRC nº5/2017 dizia: 

A autoridade municipal de saúde pública não autorizará o fornecimento de água para consumo humano, por meio de solução alternativa coletiva, quando houver rede de distribuição de água, exceto em situação de emergência e intermitência. 

Este anexo foi excluído, ou seja, não tem mais efeito. 

Porém, foi incluído nova normativa, neste caso, é o Artigo 26, baseado no Artigo 7 do Decreto 7217/2010. E o que consta nesta inclusão? As seguintes informações: 

A instalação hidráulica predial ligada ao sistema de abastecimento de água não poderá ser também alimentada por outras fontes. 

Estas mudanças se dão para atender as exigências normativas, adequação de acordo com a demanda gerada pelo crescimento populacional e também por questões de segurança, ou seja, evitar que água do sistema de distribuição seja misturada com água de outras fontes com qualidade desconhecida. 

Outro tema abordado é o caráter de autoridade autônoma da gestão municipal e estadual da vigilância e qualidade da água para consumo humano. Isso já era bastante claro, mas com a atualização houve a necessidade de reforçar esta autonomia. 

A divulgação ampla de dados e informações do SISAGUA, além de abordagem de Plano de Ação e Plano de Segurança da Água também são pontos abordados na Portaria 888

Monitoramento de água bruta 

Ainda falando sobre águas subterrâneas, a Portaria de Potabilidade 888/21 trata sobre o monitoramento de água bruta. Mais especificamente sobre o monitoramento semestral da água bruta em cada ponto de captação com objetivo de realizar uma gestão preventiva e controle de risco. 

Por esse motivo, é importante analisar e avaliar a qualidade da água e adequação no tratamento desta água. 

A nova disposição diz que os seguintes parâmetros de águas subterrâneas merecem atenção especial e, consequentemente, o monitoramento: turbidez, cor verdadeira, pH, fósforo total, nitrogênio amoniacal total, condutividade elétrica e dos parâmetros inorgânicos, orgânicos e agrotóxicos.  

Como a G Hidro pode te ajudar? 

A G Hidro é uma empresa de tecnologia com foco em recursos hídricos e energéticos. Nossa missão é ser um vetor de inovação e auxiliar nossos parceiros a conquistarem sucesso na gestão eficiente e sustentável destes recursos. 

Por esse motivo, desenvolvemos o Hidroview, uma plataforma online de gestão e monitoramento de água e energia que permite o uso legal, consciente e otimizado de águas subterrâneas. 

Com nossa plataforma, é possível acompanhar em tempo real dados importantes de uma operação de recursos hídricos como condutividade, pH, temperatura e qualquer outro parâmetro que possua sensores com saídas analógicas de 4 a 20mA ou sensores que emitem pulsos que podem ser monitorados nas entradas digitais. 

Para conhecer e entender melhor como a G Hidro pode ajudar na conformidade com a Portaria de Potabilidade 888/21 é só falar com nossa equipe! Envie uma mensagem para um de nossos especialistas clicando neste link que direciona para o Whastapp https://bit.ly/FaleComGHidroMonitoramento ou preencha este formulário que retornaremos o contato em breve. 

Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *